18/07/2011

Generalidades - Pegação GAY em Belo Horizonte (BH)

Embora o Estado de Minas Gerais seja bastante conhecido por suas cidades históricas, como Ouro Preto e Tiradentes, que atraem um movimento intenso de turistas que se deliciam com suas construções barrocas e com as clássicas e saborosas comidas mineiras; a capital Belo Horizonte é recente: tem pouco mais de cem anos de existência. 

Resultado da miscigenação de um planejamento urbanístico junto à natureza, fato que lhe rendeu a fama de cidade-jardim, conta hoje com cerca de dois milhões e meio de pessoas (segundo o IBGE), e, assim, como toda Minas Gerais, costuma ser bem hospitaleira e já oferece diversão e turismo para todo o tipo de gente. É nesse ritmo descontraído que a terceira metrópole brasileira recebe o público GLS. Conhecem aquele ditado que diz: mineiro come quieto? Então, não é diferente em Belo Horizonte. A cena pode ser um pouco mais reservada que em São Paulo e Rio (sem grandes points ao ar livre), mas conta com um vasto e evoluído aparato de boates, cafés e bares, onde todos ficam à vontade. Fato bacana também é que, aos sábados, o jornal mineiro O Tempo publica uma página GLS no caderno Magazine, com informações especializadas da cena.
Foto: Divulgação/Sec. Mun. Turismo de BH 
Praça da Liberdade  
Onde o prazer começa 

Um agradável tour pode ser realizado para quem deseja aproveitar ao máximo Belo Horizonte. A noite da capital mineira apresenta opções para todos os estilos, mas o que está mesmo no gosto do povo é apreciar música ao vivo. Preferência que faz lotar durante quase toda semana o bar Estação 2000 e que, na sexta e domingo, atrai bom público para o Bar da Gis (dia que a popular Gisele solta sua voz por lá). Já entre as boates, a casa top da cidade mesmo é a Josefine: as quintas e sábados todo mundo vai lá para curtir o som entre o house e o dance da pista, além do ambiente moderno oferecido, com lounges, palco e dark-room. Às quintas-feiras rola também música ao vivo e um belo strip.  
Foto: Divulgação 
Cena da pista da animada Josefine 
Já para um ambiente mais relax, existem saunas que oferecem muito conforto, além do Cine G World, 24 horas aberto, com salas de filmes heteros e filmes gays, contando também com um bar. 

Navegar na internet também não é problema, o Ponto Com Internet, tem bancadas individuais que garantem privacidade para navegação em bate-papo gay e pornografia gay. Enfim, Belo Horizonte tem de ser conferido de perto e ser bem aproveitado, assim como todas as suas maravilhas carnais.

ROTEIRO
Gis Club. Av. Barbacena, 33, Barro Preto, tel.: (31) 3295-2693. Todas as sextas-feiras e sábados,  a partir das 22h, domingos, a partir das 17h, e véspera de feriado, a partir das 22h.

Estação 2000. Av. Barbacena, 823, Barro Preto, tel.: (31) 3291-2984. De terça-feira a sábado, a partir das 19h.

Josefine. Rua Antônio de Albuquerque, 729, Savassi, tel.: (31) 3225- 2307. Todas as quintas-feiras, a partir das 22h, e sábados, a partir da 0h.

Thermas Olimpo. Rua Timbiras, 2635, Santo Agostinho, tel.: (31) 3335-4188. Diariamente, das 15h às 23h.

Sauna Netuno. Rua Guajajaras, 2.099, Barro Preto, tel.: (31) 3292-4378 
Diariamente das 14 às 24h.

Cine G World. Praça Raul Soares, 259, Barro Preto, tel: (31) 3337-1231 
Diariamente 24h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário